Samsung desenvolve smartphone com tela dobrável

samsubg

A Samsung desenvolve um smartphone flexível há alguns anos, e de acordo com alguns rumores, o projeto está quase concluído. O Korea Times informou por meio de analistas que cobrem a Samsung Eletronics que a empresa planeja estrear esse dispositivo em 2019.

Kim Jang-Yeol, chefe de pesquisa da Golden Bridge Investment, com sede na Coréia do Sul, fez a estimativa de preço do aparelho em cerca de US$ 1.830 (R$ 6.844) sem subsídios de transportadoras.

O modelo, por enquanto chamado de “Galaxy X”, pode vir com uma tela OLED de 7,3 polegadas, que é reduzida para uma tela de 4,5 polegadas quando dobrado.

A marca continua sem divulgar sobre este novo design, já que o projeto seria o primeiro no mundo. A empresa está disposta a proteger a ideia, principalmente porque seus principais concorrentes chineses Huawei e ZTE também estão criando smartphones com telas dobráveis.

http://adnews.com.br/tecnologia/samsung-desenvolve-smartphone-com-tela-dobravel.html

Samsung e LG querem transformar telas em caixas de som

SAMSUNG

A Society of Information Displays (SID) ocorreu em maio de 2018. A conferência reúne grandes marcas da tecnologia para apresentar novos projetos. Desta vez, a Samsung e a LG roubaram as atenções ao anunciar uma tela capaz de transmitir som, abrindo novas possibilidades para a criação de telas infinitas para ambas as empresas.

As novidades apresentadas estão em fase de teste e podem ganhar produtos finais em breve. Segundo o site sul-coreano ETNews, as duas pretendem incluir um painel OLED que dispensa a necessidade de transmissores de áudio em sua programação até 2019.

A LG pretende incluir o sistema em alguns notebooks. Segundo as informações colhidas na apresentação, isso é possível por meio dos painéis CSO que conseguem reproduzir áudio a partir da vibração também em telas de TV desenvolvidos pela companhia.

http://adnews.com.br/tecnologia/samsung-e-lg-querem-transformar-telas-em-caixas-de-som.html

DogHero lança “Uber” dos passeadores de cachorro

uber

Passear com o cachorro requer um certo tempo na agenda de seu dono. Pensando na dificuldade para algumas pessoas, a DogHero, aplicativo que conecta pais de cachorro a anfitriões que hospedam os pets em casa, expande o portfólio de serviços e lança a opção de passeios. Pela plataforma, é possível agendar o serviço ou pedi-lo imediatamente: mesmo conceito dos aplicativos de transporte, como Uber e 99.

O cliente é avisado pelo app quando o passeio começa e pode acompanhar o trajeto em tempo real. Além disso, a atenção é exclusiva, pois o passeador caminha com um cachorro por vez (ou com dois, se forem da mesma família).

O serviço já está disponível na cidade de São Paulo e chegará em outras capitais a partir de julho. O cliente baixa o aplicativo, coloca o endereço, dá informações sobre o cachorro (como porte, raça e idade), explica como é o comportamento dele e escolhe quando quer agendar o passeio. A partir disso, a empresa indica o passeador com o perfil mais adequado para atender aquela família.

Os passeios, de 30 minutos ou 1 hora, custam a partir de R$ 25. Planos mensais têm desconto de 20% e o pagamento é feito pelo aplicativo. Caso o cachorro sinta-se mal durante o passeio, a empresa reembolsa eventuais gastos com veterinário, exames e medicamentos em até R$ 5 mil.

http://adnews.com.br/tecnologia/doghero-lanca-uber-dos-passeadores-de-cachorro.html

Uber lite, versão de 5 MB para conexões lentas, estreia na Índia

sa

Criado em São Francisco, o Uber pegou carona na conexão super-rápida e no amor dos californianos pelo mobile para fazer sua fama e se tornar um case moderno de sucesso. Popularizado ao redor do mundo, a plataforma tem dificuldades em conviver de maneira harmônica com países que têm estruturas sociais completamente diferentes dos Estados Unidos.

Famosa pela sua população de 1,3 bilhão de pessoas, a Índia é um país que encanta pela sua riqueza e pluralidade de seus habitantes. Tido como o mercado mais importante da Ásia, o Uber lançou nesta terça-feira (12) a versão Lite de sua plataforma.

Mais leve, a novidade pensada para celulares Android mais simples e conexões mais lentas, chega ao mercado com 5 MB e a promessa de se adequar melhor à vida do indiano. Diferentemente de sua versão mais robusta, com, 181,4 MB, o “primo mais leve” da marca apresenta mapas opcionais, mas funcionalidades de segurança como compartilhar viagens com amigos presentes.

Confira abaixo o vídeo de apresentação do dispositivo:

Com o intuito de expandir a edição para outros países emergentes, o CEO da startup Dara Khosrowshahi disse ao canal local de televisão ETNow em 22 de fevereiro que “ Se você olhar para o mercado, é um dos nossos mercados mais saudáveis ​​em termos de taxas de crescimento … Quando penso em Uber e onde estaremos daqui a cinco ou dez anos, nosso sucesso na Índia desempenhará um papel vital no crescimento dessa empresa e o lugar que estaremos no futuro da mobilidade global”

Ainda não há a data prevista para o Uber Lite ir para outras regiões. Ao que parece, será necessário acompanhar o sucesso da corrida pelos clientes com menor poder aquisitivo na Índia para saber quando a comodidade desembarcará em terras brasileiras

http://adnews.com.br/tecnologia/uber-lite-versao-de-5-mb-para-conexoes-lentas-estreia-na-india.html