“Varejo tecnológico” para o consumidor em transformação

Segundo pesquisa do Instituto QualiBest apresentada neste ano, 81% dos usuários brasileiros de internet já encomendaram algum serviço ou produto por meio de aplicativos utilizando smartphones.

Você já parou para pensar como a velocidade do mundo atual interfere nos seus negócios? Essa nova dinâmica de vida, cada vez mais acelerada e personalizada, nos coloca diante de um cliente com pressa, mais exigente e com muitas opções de oferta e formas de compra. Nossa realidade é de um “varejo tecnológico” para um consumidor em constante transformação. Está mais do que claro que, com o advento da tecnologia, zelar pela qualidade dos produtos e serviços, das ações de marketing e do atendimento pessoal ao cliente não são mais suficientes para garantir o sucesso de qualquer negócio. O empreendedor – e seus gestores – precisam acompanhar o ritmo das mudanças impostas por uma sociedade cada vez mais imediatista, conhecedora de seus direitos e deveres, e antenada às novas formas de atuação do mercado. Nos Estados Unidos, esse novo grupo tem sido chamado de “geração-micro-ondas”: desejam tudo rápido, ao gosto pessoal e na temperatura ideal.

A febre das redes sociais, somada à democratização do uso de smartphones, criou uma nova geração de consumidores, cujos hábitos são de procurar diretamente as marcas de interesse e agir com certa impaciência frente ao varejo. A ansiedade por um atendimento rápido e individualizado é a consequência de tudo estar, literalmente, nas palmas das mãos hoje em dia. Dado da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) ilustra essa realidade: o mercado de delivery movimentou R$ 11 bilhões em 2018.

Segundo pesquisa do Instituto QualiBest apresentada neste ano, 81% dos usuários brasileiros de internet já encomendaram algum serviço ou produto por meio de aplicativos utilizando smartphones. Quase 120,7 milhões de pessoas em um universo de 149 milhões de internautas, de acordo com o levantamento Digital Brazil 2019, feito em parceria por We Are Social e Hootsuite. O delivery de refeições e comidas prontas, na apuração da QualiBest, responde por 50% desses pedidos, e o valor gasto chega, em média, a R$ 38 por pessoa.

A facilidade com o manuseio de dispositivos já chegou até a estabelecimentos físicos, inclusive. Bares e restaurantes investem, cada vez mais, em terminais de autoatendimento, por meio dos quais o cliente fica à vontade para escolher entradas, pratos principais, acompanhamentos, bebidas e sobremesas, tudo de acordo com as suas preferências, e sem a necessidade da intervenção de um atendente. Como faria em um aparelho celular.

Empreender ou investir em food service é, portanto, estar pronto para atender a demandas muito além das de praxe em relação à qualidade dos alimentos e seus respectivos preparos. As operações de rua e das praças de alimentação devem estar adaptadas para receber o cliente que se desloca ao local e, também, a atender com excelência aqueles que são usuários das plataformas digitais. É preciso estar pronto para atender ao “novo consumidor”.

A voraz competitividade de um mercado de fartura de ofertas obriga empreendedores do segmento a estarem numa permanente busca para entender e atender aos desejos do seu consumidor. Nessa corrida, vence quem estiver preparado para não apenas compreender a nova geração, mas também que seja capaz de traçar estratégias para atingi-la, mesmo em constante movimento.

A nova era dita que o varejo esteja perfeitamente alinhado ao cliente, dispondo de informações, marketing digital focado no atendimento personalizado e ferramentas que agreguem valor, disponibilidade e velocidade às suas necessidades.

ProXXIma – 28 de junho de 2019 – Por Ricardo José Alves

https://www.proxxima.com.br/home/proxxima/how-to/2019/06/28/varejo-tecnologico-para-o-consumidor-em-transformacao.html

Clique e retire é o principal atrativo para o consumidor brasileiro

O site Mobile Time, em parceria com a empresa de pesquisas Opinion Box fizeram um estudo sobre comércio online. O Panorama Comércio Móvel no Brasil analisou os dados de 2115 brasileiros e revelou que em três anos as compras por smartphones cresceram de 62% para 82%. Esse número é ainda mais significativo quando se fala da de consumidores com maior renda, chegando a 90% nas classes A e B e 79% nas classes C, D e E.

Entre as preferências dos consumidores, as redes sociais se mantém em destaque, com 61% dos entrevistados afirmando fazer encomendas via WhatsApp, sobretudo nas classes C, D e E e 41% através do Facebook Messenger. Além do aumento do consumo digital, o brasileiro se mostra muito satisfeito (46%) com relação às suas compras.

Entre as funcionalidades preferidas dos consumidores em aplicativos móveis, a compra online e retirada na loja física está em primeiro lugar, com 48% da preferência. Essa nova modalidade se dá pela integração das lojas físicas com loja online para oferecer a melhor experiência de compra ao usuário.

Em segundo, os entrevistados afirmam que a navegação gratuita é essencial dentro do comércio móvel. Por isso, oferecer wi-fi gratuito dentro das lojas físicas ou permitir a navegação sem cobrança de dados são fatores de grande valor na hora de oferecer um app.

Os consumidores mais resistentes, que nunca compraram pelo celular, justificam sua rejeição com a falta de confiança (31%), por gostar de provar e ver o produto antes (30%) e o fato de não possuir cartão de crédito (24%).

Sam’s Club lança app com funcionalidade inédita no varejo brasileiro

sam's

O Sam’s Club, clube de compras do Walmart, anuncia o lançamento de um aplicativo com funcionalidades que prometem agilizar o processo de compras. Pelo menos de quem é sócio da rede. O app pode ser baixado em Android e iOS.

A ferramenta já está disponível oficialmente na loja de Tamboré (SP), onde também foi realizado o teste piloto. Ao todo foram mais de 6,2 mil downloads efetuados. A marca também constatou que quem utilizou o aplicativo para realizar suas compras registrou um aumento de duplo dígito no ticket médio em relação ao modelo tradicional de atendimento.

A novidade está ativa para clientes das unidades de todo o estado de São Paulo e, a partir do segundo semestre, irá para as lojas Sam’s Club de todo Brasil.

“Estamos disponibilizando aos nossos sócios um pacote de serviços digitais gratuitos que vão transformar o modo como se relacionam e interagem conosco que aliam praticidade, agilidade e facilidade em todas as etapas de compra”, explica Rodrigo Novelli, diretor de Marketing e Membership do Sam’s Club Brasil.

O aplicativo reúne quatro funcionalidades, sendo uma delas, a denominada Click&Go, inédita no Brasil. Com essa tecnologia, os sócios do clube escaneiam pelo smartphone os códigos de barras dos produtos adicionados ao carrinho. Na sequência, clicam em “Finalizar” para que seja exibido na tela do celular o código de barras com a identificação do usuário e o valor total da compra, o qual deve ser apresentado no caixa reservado para atendimento ao usuário do aplicativo para a realização do pagamento. Para que o recurso funcione, o Wi-Fi e o GPS do dispositivo precisam estar ativos. E o cadastramento no aplicativo e o preenchimento do número de membership também são necessários.

O aplicativo do Sam’s Club Brasil também informa com serviço de geolocalização a unidade mais próxima de onde o cliente se encontra, permite a consulta de preço de produtos na loja por leitura de código de barras e possibilita o acesso ao canal para se tornar sócio do clube de compras. Futuramente, o app ganhará duas novas funcionalidades: campanhas personalizadas de push, para comunicação de ofertas exclusivas e da preferência de cada usuário, e lista de compras sugerida baseada na recorrência e nos hábitos de consumo dos associados.

http://adnews.com.br/tecnologia/sams-club-lanca-app-com-funcionalidade-inedita-no-varejo-brasileiro.html

Publicitários brasileiros criam device que torna inteligentes carrinhos de supermercados

O Bolt Cart tem um sistema nas rodas que gera 100% de energia limpa usada para carregar os smartphones dos clientes. O dispositivo também contém um módulo de GPS que rastreia o comportamento do consumidor dentro da loja,

Pyr Marcondes – 21 de maio de 2018

 

Em um mundo cada vez mais conectado, as pessoas usam seus smartphones durante as compras, não apenas para verificar sua lista de produtos, mas também para conversar, comparar preços e até entreter os filhos. Mas, às vezes, as compras podem levar tempo e a bateria do telefone pode desaparecer em questão de minutos.

Os Criativos André Felix e Eduardo Marques, que atualmente vivem em Los Angeles, criaram um produto independente em parceria como uma Start-Up na California, a One off Effects llc..

O insight, segundo os brasileiros, surgiu quando um deles foi até o supermercado e, ao receber a lista de compras via whatsapp, o celular já não tinha bateria suficiente e alguns intens da lista foram esquecidos.

“O Bolt Cart transforma qualquer carrinho de supermercado em um carrinho inteligente. Um sistema nas rodas gera 100% de energia limpa usada para carregar os smartphones dos clientes. O dispositivo também contém um módulo de GPS que rastreia o comportamento do consumidor dentro da loja, fornecendo dados úteis para o supermercado e protege o carrinho de ser roubado.” Comenta André Felix

“O Bolt Cart muda a experiência de compra do cliente. O sistema é implementado através de um kit de fácil instalação e pode ser instalado em praticamente qualquer carrinho de compras. Quanto mais o carrinho se move, mais energia é gerada e tem uma bateria que acumula energia para a próxima pessoa.” Comenta Eduardo Marques

Os testes já foram validados pela One off Effects llc. e agora a empresa está trabalhando na patente do produto e no protótipo final.

Créditos:

André Felix – Creator of Bolt Cart

Eduardo Marques – Co-Creator of Bolt Cart

Benjamin McKe – Engineer, Co-Creator of Bolt Cart – OneOffEffects

Bruno Regalo – Art Director and Product Designer

Rubens Angelo – Movee – Motion graphic and 3D

Commercial Music Production Company: Jamute

Music producer: James Pinto and Bruno Villamaior

Account manager: Paula Galacini

Production coordinator: Julianna Zuppo and  Anderson Soares

http://www.proxxima.com.br/home/proxxima/noticias/2018/05/21/publicitarios-brasileiros-criam-device-para-carrinho-de-supermercado-que-fornece-energia-eletrica-limpa-para-carregamento-de-celular.html

Shopping Eldorado lança aplicativo para clientes

O Shopping Eldorado lançou um aplicativo oficial para clientes do centro comercial. O objetivo é trazer comodidade, incentivar as ações de relacionamento entre as lojas e os frequentadores.

“Quem baixar o aplicativo poderá acessar funcionalidades, como pagamento do estacionamento pelo celular, compra de ingressos de cinema, receber notificações com promoções e ofertas, lembrete de vaga de estacionamento, lista de lojas e serviços”, disse Lilian Piva, gerente de Marketing do Shopping Eldorado.

Novas funcionalidades serão introduzidas no segundo semestre de 2018. A expectativa é que o cliente cadastre as notas nas promoções do shopping através do QRCode, acesse o diretório de lojas, reserve mesas e até faça pedidos de pratos nos restaurantes através da ferramenta.

Por  Imprensa Mercado & Consumo – 

http://www.mercadoeconsumo.com.br/2018/05/03/shopping-eldorado-lanca-aplicativo-para-clientes

Pesquisa do Facebook mostra que 76% dos brasileiros usam internet banking

24 de Junho de 2016 14h – Atualizado às 14:38

internetbank

Um novo estudo realizado pelo Facebook IQ no Brasil e no México apontou que 76% das pessoas utilizam serviços de Internet banking e esperam que todos bancos se tornem digitais no futuro.

Com a tecnologia ficando cada vez mais acessível e a conectividade evoluindo, os bancos estão colocando os dispositivos móveis no centro da experiência de seus clientes, e o estudo “A ascensão dos bancos digitais”, comissionado pelo Facebook e realizado pela Ipsos, mostrou que bancos têm uma interessante oportunidade para diminuir a distância entre a expectativa dos clientes e os serviços que oferecem.

Do total, 76% dos entrevistados afirmaram que Internet banking facilita suas vidas e 63% acreditam que ao invés de um cafézinho, em poucos anos todos vão interagir com seus gerentes via Internet.  Das pessoas que afirmaram usar a internet para transações bancárias, 90% disseram utilizar smartphones e 45% tablets. O estudo ainda mostra que 83% das pessoas já checam o saldo no celular, 61% transferem dinheiro e 59% utilizam os dispositivos móveis para pagar o cartão de crédito.

Aquelas que usam Internet banking tendem a usar outros serviços financeiros, como pensões, investimentos, seguros ou empréstimos em 74% dos casos. Apesar da maioria dos entrevistados acreditar que sites e aplicativos móveis tenham melhorado, quase metade concorda que as pessoas são mais digitais que os bancos.

A Ipsos realizou entrevistas online com 1.391 usuários de banco online das classes A,B e C no Brasil no Brasil e no México, com acesso à internet e contas bancárias ativas em Janeiro de 2016.

Confira resultados da pesquisa no infográfico abaixo:

Pinterest adiciona botão de compra com um clique

 

30 de Junho de 2016 10h –

pinterest0

Seguindo a estratégia já anunciada de se aproximar do mercado de e-commerce, o Pinterest anunciou no início da semana uma nova ferramenta que promete facilitar as compras na plataforma.

O recurso permite a comercialização de produtos de diversos fornecedores parceiros da rede. Para que a compra seja possível, essas marcas devem adicionar um pin de compra no post em que a imagem do produto está inserida. A partir daí, o usuário pode realizar a transação com apenas um clique, adicionando o item em uma espécie de carrinho virtual, como já acontece nas redes de e-commerce.

De acordo com o Pinterest, a rede já conta com mais de 20 mil empresas parceiras e 10 milhões de itens prontos para venda. Esses produtos chegam até o usuário através de uma curadoria que se baseia nos gostos sinalizados por ele através dos pins que realiza.

O botão de compra já está disponível nos Estados Unidos para usuários iOS e deve ser disponibilizada para Android em breve. Ainda não há data prevista para o lançamento do recurso no Brasil, mercado em que o Pinterest atua desde 2015 e no início deste ano atingiu a marca 400 milhões de pins criados por usuários brasileiros (relembre aqui).

http://adnews.com.br/social-media/pinterest-adiciona-botao-de-compra-com-um-clique.html